Casa da Lana

Um restaurante que devia ter uma placa na entrada com os dizeres:  A casa é sua, se acomode no sofá, ligue a TV, pegue uma revista, leia um livro, e, quando sentir fome, peça a comida.

Por 19 reais você tem uma comidinha de mãe, é entrada, prato do dia que você ver aqui no blog e sobremesa. É difícil fazer qualquer crítica sobre o local porque a comida estava deliciosa. O atendimento não foi dos melhores, mas foi superado pelo local – o charme da casa, as fotos na parede, os livros… tudo fez com que o tempo tenha corrido mais que o normal. Uma delícia!

No dia que fui a entrada foi uma saladinha de entrada

Casa da Lana

O prato principal foi um picadinho com abóbora, feijão e farofa

Casa da Lana

A sobremesa foi queijo com goiabada

Casa da Lana

Casa da Lana
Rua Purpurina, 293, Vila Madalena, São Paulo
Telefone: (11) 3892-5645
Horário de funcionamento: de terça a sexta das 12h às 15h e aos sábados e domingos das 12h30 às 16:30h.
Pagamento: Dinheiro, cheque, cartões de débito e crédito (MasterCard, Visa) e tíquetes (Smart, VR, Sodexho Pass, Ticket Restaurante, Ticket Restaurante Eletrônico e Visa Vale)

Casa da Lana

Twitter: @casadalana

6 Comentários

  1. Isabelle Lindote
    junho 25, 2010 at 8:10 am (12 anos ago)

    Nossa, esse lugar tem a minha cara! Adoro comidinha caseira 🙂

  2. Claudia Midori
    junho 25, 2010 at 8:49 am (12 anos ago)

    A comidinha é boa, mas a casa tem poucos lugares. A única coisa que acabei não colocando no post é que não tem substituição, é o prato do dia e fim, não pode trocar nada.

  3. Lana Nowikow
    julho 7, 2010 at 5:21 pm (12 anos ago)

    Oi, Claudia, obrigada pelo comentário, a intenção é mesmo, além da comidinha gostosa, fazer com que os clientes se sintam em casa.
    Mas olha, você se enganou, são dois pratos do dia à escolha, além do especial (um pouquinho, só um pouquinho mais caro)e de um outro que a gente chama carinhosamente de “esquisito”, porque é daqueles que as pessoas amam ou odeiam. Olhe só: língua ensopada com purê de mandioquinha e ervilhas frescas, miúdos de galinha com polenta e quiabo, dobradinha com feijão branco, fígado, rabada…
    E nos fins de semana o serviço é à la carte mas o cardápio continua com cara de comida de mãe: feijoada aos sábados (sim, a própria e famosa Feijoada da Lana) lasanha, filé à parmigiana, moqueca, caldeirada de frutos do mar etc.
    Ah, sim, desculpe pelo atendimento precário, uma das nossas garçonetes ficou doente e você pode imaginar como faz falta num restaurante que só tem quatro funcionários.
    Outra coisa: se quiser receber o cardápio da semana por e-mail (faço isso com todos os clientes) é só pedir. Apareça!
    Um beijo,
    Lana

  4. Claudia Midori
    julho 7, 2010 at 6:20 pm (12 anos ago)

    Lana, peço desculpas pela informação errada, mas foi passada pela funcionária. Ela, inclusive, falou: só temos o prato da casa! Respondi que nunca havia ido e não sabia o que seria o prato da casa, muito menos o do dia

  5. Solange
    maio 1, 2011 at 9:53 am (11 anos ago)

    Adoro a Casa da Lana!
    O arroz com feijão dela é maravilhoso.
    Além disto, a Lana é destas pessoas que a gente conhece hoje e parece que sempre foi amiga dela.
    Enfim, recomendo pela comida, pela cozinheira, pelas garçonetes.
    O preço é justo e o único senão é a gente comer demais porque é uma delícia.

1Pingbacks & Trackbacks on Casa da Lana

Deixe um comentário