Spago: mezzo italiano, mezzo americano

Depois de um mês de ansiedade (minha, que acompanhei a construção do Spago pelas redes sociais desde o início da obra até o teste dos pratos), finalmente fomos conhecer o segundo restaurante do chef Carlos Bertolazzi, que serve receitas ítalo-americanas. Localizado em uma movimentada rua no Itaim, o espaço impressiona já pela entrada. Com pé direito alto e paredes de tijolos aparentes, o ambiente é agradável tanto para um almoço de fim de semana quanto para um jantar a dois (mais fotos aqui e aqui). Cláudia e eu fomos almoçar com os respectivos e pedimos de entrada Fried Calamari (anéis de lula empanados servidos com molhos marinara e tártaro) e Mozzarella Marinara (respectivamente, R$ 21 e R$ 16). Certamente os melhores anéis de lula que já experimentei, simplesmente perfeito. Os molhos, para o meu paladar, podiam ser mais cremosos, e achei a porção de mozzarella pequena. Sentimos que o lugar ainda tem pequenos acertos para fazer na cozinha e no atendimento, mas está no caminho certo.

Para prato principal, a Cláudia escolheu um bife à milanesa com risoto de limão (R$ 34) enquanto o respectivo ficou com o parmesan (bife à parmegiana com queijo e molho marinara) acompanhado de legumes no vapor também por R$ 34. Eles gostaram tanto que nem deu tempo de pedir um pedacinho para experimentar também, rs. Eu optei por dividir dois pratos com o maridão: fomos de salada caesar (R$ 26) e fettucine alfredo (R$ 29), ambos com lascas de frango. Numa próxima visita, pretendemos repetir a salada e experimentar outra massa, de tanto que gostamos do molho apetitoso, da abundância de croutons e parmesão, além ds folhas fresquinhas – tudo isso por um ótimo custo-benefício. Mas, quem não quiser gastar muito, precisa ficar de olho nas bebidas: o refrigerante custa R$ 5 e a água, R$ 4. A Cláudia tomou um Aperol (R$ 14) e o respectivo foi de cerveja Santa Fé long neck por R$ 8.

Para a sobremesa, abri um pouco a guarda da dieta para experimentar a torta de nutella (R$ 14), que tanto me encheu os olhos nas fotos postagens do chef. E que delícia! Bem doce, forte, encorpada, com nutella no meio do recheio… uma coisa de louco! Já teria valido a visita. O maridão foi de cheesecake de limão (R$ 14) e também gostou bastante – para quem curte limão é uma excelente escolha. A Cláudia teve menos sorte: pediu uma panna cota, que vem com uma apresentação lindinha em dois vidrinhos (que em breve poderão ser levados para casa), mas estava sem sabor algum. Acabamos conversando com o chef Claudio Aliperti, que toca de perto o andamento da cozinha do Spago, e demos um toque sobre o problema com a sobremesa (mais um ajuste a ser feito nesse início de trabalho). Muito simpático, ele demonstrou se esforçar bastante pela casa, tanto que tatuou a logo do Spago no antebraço. Achei o máximo (só faltou uma foto) e adorei a energia dele! O respectivo preferiu sorvete (R$ 6) e devorou duas deliciosas bolas da sobremesa, uma de creme e outra de chocolate.

O balanço da visita foi positivo, apesar de os deslizes já relatados, pois sentimos uma enorme vontade de acertar – além da humilde essencial para ouvir as críticas. Com um mês de funcionamento, o Spago teve uma boa rotatividade durante o almoço de sábado e, sem percebermos, acabamos ficando três horas por lá. E ainda pudemos degustar do excelente espresso da Isabela Raposeiras (R$ 4), um acerto incrível para finalizar a refeição.  O ambiente, refrigerado e arborizado, foi decorado com bom humor – quem resiste a luminárias com crianças comendo macarrão enquanto se lambuzam de molho? Uma fofura! Vida longa ao Spago 🙂

Spago
Rua Leopoldo Couto de Magalhães Jr.,  681 – Itaim – SP
Telefone: (11) 3078-0796 (fechado aos domingos)

3 Comentários

  1. Rodolfo Santana
    fevereiro 9, 2012 at 7:53 pm (11 anos ago)

    EXCELENTES fotos aí de cima, não consegui parar para ler ainda, de tão estonteado que fiquei. Parabéns A TODAS. Adorei. Está diferenciado.

  2. Isabelle Lindote
    fevereiro 10, 2012 at 12:27 am (11 anos ago)

    Que bom que gostou, Rodolfo! Agradecemos pela visita e pelo comentário =)

1Pingbacks & Trackbacks on Spago: mezzo italiano, mezzo americano

  1. […] abril, o chef Carlos Bertolazzi destinará todo o dinheiro arrecado com a Panna Cota do restaurante Spago (Itaim-SP) para o projeto SalvaCão, que cuida de cachorrinhos […]

Deixe um comentário