Panettone caseiro trufado

Atitudes empreendedoras sempre me encantaram, e quando escuto histórias ligadas à alimentação ou gastronomia, acho ainda mais interessante. Em época de Festas – ou comemorações importantes como Dia das Mães, Dia das Crianças e Dia dos Namorados – acredito que as oportunidades para quem cozinha bem ou tem aquela receita especial aumentam. Foi assim que descobri um panettone rechado com trufa de chocolate absolutamente encantador. As mãos de fada são da mãe de uma amiga do trabalho e guardam os segredos de uma trufa de sabor muito especial, com gostinho caseiro que nenhuma Cacau Show seria capaz de imitar.

Sem conservantes, o panettone precisa ser consumido no máximo em dez dias e vem abundantemente recheado – tem praticamente mais recheio do que massa. E que massa! Fofinha e saborosa, sem excesso de essência de panettone, dava para sentir o frescor do produto que acabou de ser feito e embalado com todo o cuidado. E sabemos que quando a comida é feita com carinho, por quem gosta do que faz, tudo fica muito melhor. O panettone pequeno custa 10 reais e acabei presenteando a Cláudia com um, antes do Natal. Um presente diferente, gostoso e que pode ser compartilhado – três coisas que sempre fazem a diferença nessa época do ano.

Uma vez, meu cunhado fez bombons caseiros para uma namorada e lembro do sucesso que foi, tanto com a garota quanto com minha sogra, comigo e com quem mais provou do doce. Sem dúvidas, quando comemos algo feito especialmente para a gente, tudo fica mais gostoso. Acho que é por isso que gostamos tanto de lugares que, mesmo crescendo, não perdem aquele ar de coisa caseira, no melhor sentido da palavra.

Não coloquei o contato do panettone pois as encomendas do ano já foram encerradas 🙂

1 Comentário

  1. Josi
    outubro 1, 2013 at 10:32 am (9 anos ago)

    E será que para este ano ainda tem?

Deixe um comentário