Posts Tagged ‘alimentação saudável’

Mokiti Okada: oficina de marmita saudável que substitui consumo de refeições rápidas

http://www.flickr.com/photos/28233229@N00/1417731243/ http://www.flickr.com/photos/[email protected]/1417731243/%5B/caption%5D

A vida agitada do dia a dia faz com que as pessoas tenham hábitos alimentares inadequados. Pensando nisso, a Fundação Mokiti Okada promove oficina de marmita saudável.

Quando eu trabalhava em Pinheiros, apelidei carinhosamente um restaurante de “buffet de festa infantil”. Todos os dias me deparava com mini pastel, coxinha, mini coxinha, empadinha, batata frita, doguinho, mini burger e por aí vai. Só ia lá quando não tinha mais opção.

Agora que trabalho na Vila Olímpia, o problema é outro. Todos os restaurantes são lotados e você perde mais tempo nas filas para entrar e pagar do que comendo. Pensando nas pessoas que sofrem comendo na rua como eu, a Fundação Mokiti Okada promove a oficina culinária “Marmita e Bentô”, no dia 15 de maio, às 9h30, em São Paulo.

Sob a orientação de profissionais do grupo de Alimentação Natural, da instituição, serão elaboradas receitas de arroz integral, cassoulet de frango, sopa de legumes e caldo de legumes caseiro. A oficina será na rua Morgado de Mateus, 77 – Vila Mariana. As inscrições podem ser feitas pelo site http://www.fmo.org.br (na página de cursos). Informações sobre valores (11) 5087-5045 ou [email protected]. Além da oficina de bentôs, tem oficinas de sushi, culinária sem glúten, pizzas, pães, massas caseiras e outros.

Seletti: culinária saudável como conceito

Como já falamos por aqui e nas redes sociais também (Twitter e Facebook), Cláudia e eu estamos buscando uma alimentação mais saudável no dia a dia, trazendo aventuras gastronômicas mais leves para vocês – sem no entanto abrir mão 100% dos pequenos prazeres (necessários) da vida. Em busca do equilíbrio, na hora de almoçar com o maridão na praça de alimentação de um shopping, resolvi experimentar a comida de um lugar que eu já tinha visto, mas nunca me arriscado a provar.

Escolhi almoçar na Seletti, rede que tem como conceito a culinária saudável. Peguei até um folheto falando sobre a divisão ideal do prato e de como é possível consumirmos um pouquinho de cada grupo alimentar sem abrir mão do sabor. Como eu já havia comido salada no dia anterior, preferi um filé de tilápia com dois acompanhamentos – purê com alho poró (delicioso!) e o brasileirinho, uma mistura de arroz com feijão em uma porção só, sem excessos. O prato custou R$ 16,90, o mesmo que outras redes com comida bem menos preocupada com a saúde, e ainda tomei uma água de coco.

O maridão foi de paillard de frango com purê de mandioquinha e batatas rústicas (assada com alho e alecrim), pelo mesmo preço (R$ 16,90). Ele escolheu tomar um suco pequeno de laranja, mas há várias misturas de frutas disponíveis no cardápio para quem quiser experimentar. Para quem quiser contabilizar exatamente o que está comendo na rede, a Seletti disponibiliza uma tabela nutricional tanto nas lojas quanto online. De acordo com o site, a rede também pratica ações sustentáveis, com diversas informações de iniciativas louváveis. UPDATE 18/1: Acabei não falando sobre o sabor da comida! Fui alertada por uma leitora (obrigada, Ana) e me redimo agora. Meu prato estava muito bom, com peixe sequinho e purê delicioso – faltou só mais um pouco de molho no arroz com feijão, mas não estava ressecado. O marido adorou as batatas rústicas, mas não comeu todo o purê de mandioquinha por achar que faltou mais sabor. O frango estava bem temperado e sem gordura.

Seletti
18 unidades no Brasil – sendo 12 na cidade de São Paulo
E também em Campinas, Piracicaba, São Caetano, Belo Horizonte e Rio de Janeiro (todas as lojas são em Shoppings)

All Light Gourmet: mais um bom exemplo de ideia empreendedora que deu certo

Estamos cada vez mais gordos: segundo o Ministério da Saúde, em pesquisa divulgada em abril do ano passado, 48,1% dos adultos brasileiros com excesso de peso. E com a proibição/restrição de uso de medicamentos para emagrecer, polêmicas à parte, a procura por uma alimentação mais saudável cresce naturalmente. Sendo assim, este é um nicho que pode ser bastante rentável, como bem identificou a empresa paulistana All Light Gourmet, que oferece “marmitas” saudáveis e gostosas com entrega delivery.


Da cozinha do chef Caro Gall saem saladas temperadas e sortidas, massas leves e preparadas com ingredientes frescos, sobremesas light e muito mais. E cada cliente pode “personalizar” um pouco o cardápio, informando na inscrição quais os alimentos restritos em sua dieta, seja por gosto pessoal ou por proibições alimentos, como é o caso de diabéticos, hipertensos e celíacos.

São três tipos de menu: por R$ 45 você recebe entrada, almoço e sobremesa, tudo identificado com as calorias e em porções individuais condizentes com quem está fazendo uma reeducação alimentar. Quem quiser incluir no pacote o lanche da tarde, paga R$ 50. Já para quem preferir ter também o jantar, precisa desembolsar R$ 55. Não há pacotes para quem comprar por semana ou por mês, é preciso arcar com o valor total de cada dia. E isso inclui uma sacolinha térmica fofa – que precisa ser devolvida na próxima entrega – e o delivery em si. A foto acima é da entrada que recebi no almoço de ontem: salada de folhas com brunoise de batata (160 calorias).

Para completar a refeição, recebi também como prato principal um belo filé mignon com arroz integral de coco e sauté de ervilhas (320 calorias), tudo bem temperado sem ter excesso de sal ou gordura. De sobremesa, recebi uma mousse de framboesa (130 calorias), que acabei deixando para o maridão provar – eu só não custo dispensar mesmo doces com chocolate.

Pontos negativos: O preço é salgado e não atinge a todos os que gostariam de adquirir os pratos. Até aí, é uma opção de nicho e a qualidade e a exclusividade tem seu preço mesmo. Mas, um exemplo: eu precisei mudar o dia da entrega e mandei e-mail no domingo solicitando a mudança para a terça-feira. Recebi um telefonema do atendimento às 8h30 da segunda-feira dizendo não ser possível fazer o adiamento, pois a cozinha já tinha preparada minha comida, que seria entregue às 11h. E que eles não trabalhavam nos fins de semana. Por R$ 45, eu esperava um pouco mais do serviço. No geral, gostei bastante da proposta e tudo mais – pediria novamente – mas acredito que ainda são possíveis pequenos ajustes.

All Light Gourmet
Telefone: (11) 3045-1320 / 3045-2957
E-mail para solicitar encomendas: [email protected]
Rua Prof. Vahia de Abreu, 68 – Vila Olímpia
Twitter: @alllightgourmet