Comida simples, gostosa e barata, muito barata

O lugar é simples, um sobrado na Vila Carrão, zona leste de São Paulo. Conheci há umas três semanas, no meio da semana, por intermédio de uma tia que insistiu em me levar para conhecer um churrasquinho. Nas palavras dela: Você vai querer colocar no seu blog, você vai ver!

niguiri

Minha tia estava certa. Ela sequer mora no Brasil, mas sempre que vem para cá vai no tal churrasquinho comer uma baita salada caprichada (foto acima), onigiri (bolinho de arroz) com missô, porções de batata frita e polenta e, claro, espetinhos de carne, frango e linguiça – e outros que não provei.

Mandioca sequinha, muito sequinha

Vou ficar devendo fotos dos espetinhos porque eles estavam tão gostosos que nem deu tempo de fotografá-los… cada espetinho sai, em média, 3 reais. É o tipo de lugar que come-se bem com menos de 20 reais e você sai com a certeza de que vai voltar. Eu já voltei 🙂

Espetinho Giba
Rua Baquiá, 70, Vila Carrão
Telefone: 11 2294-0166

14 Comentários

  1. Dri e João
    abril 20, 2010 at 5:21 am (12 anos ago)

    í”pa! Esse restaurante parece dos nossos! Vamos anotar para uma futura visita e talvez uma resenha no Fast Food de Pobre!

    Aliás, mudamos de endereço. Traí­mos o movimento e agora estamos no http://www.mtv.com.br/fastfooddepobre

    Seu link já tá lá!

    Dá uma passada, já tem posts novos!

    Abraços!

  2. Vy
    abril 20, 2010 at 12:06 pm (12 anos ago)

    Gente, rolou uma lágrima de ver esse oniguiri lindo combinado com churrasco!!! Tô salivando, se fosse perto eu ia tipo… AGORA!

  3. abril 20, 2010 at 12:33 pm (12 anos ago)

    Oi Claudia, nossa que legal seu blog curti muito! E aquela Maria Brigadeiro então? EUVí” ctz!!! Tava demorando pra surgir niguiris em churrascaria, já experimentou deixá-los na grelha do churras e colocar shoyu!? fica divino!!! bjos!

  4. claudia
    abril 20, 2010 at 1:35 pm (12 anos ago)

    Dri e João, obrigada! O espetinho é muito bom!!! O de carne é sensacional, como diria um amigo

  5. claudia
    abril 20, 2010 at 1:38 pm (12 anos ago)

    Vy, meus pais trazem onigiri para casa depois de comer lá para o dia seguinte ou mais tarde, coisa de famí­lia japa, não vive sem arroz!

  6. claudia
    abril 20, 2010 at 1:40 pm (12 anos ago)

    Fê, gosto dos bolinhos de arroz puro, sem nada, mas o de missô desse esptinho faz o maior sucesso!

  7. Carlos
    abril 21, 2010 at 4:12 pm (12 anos ago)

    Tenho um amigo que mora lá perto e sempre fala que o “churrasquinho” é bom e vale a pena mas nunca dá certo de ir até lá…Da próxima vez que ele nos convidar tentaremos ir!

  8. Denise
    abril 22, 2010 at 5:38 pm (12 anos ago)

    Oi Claudia, mas que post delicioso!
    Esse lugar me fez lembrar das tardes de domingo que passava na casa de um tio querido… com certeza iremos visitar esse lugar, valeu a dica!
    Bjs
    Denise – Tabeteimasu

  9. Marly
    maio 1, 2010 at 12:45 pm (12 anos ago)

    Oiiii, conheço muito bem esse churrasquinho, bom demais!!!!!

  10. Day Cunha
    outubro 30, 2010 at 5:00 pm (12 anos ago)

    Adorei o blog de vocês!!! Não era muito ligada em sair para comer, mas como o lanchinho na casa dos amigos está ficando meio monótono, estamos procurando boas opções, e o “Santo Google” colocou vocês em nosso caminho..rs…bjs.

  11. Miriam Soares
    agosto 24, 2011 at 2:17 pm (11 anos ago)

    Eu conheço o espetinho do giba, a uns 5 anos ou mais, não troco lá por nenhum outro do mesmo seguimento, é bom ,barato, e um lugar gostoso para bater papo sem pressa, não tem luxo, mas tem calor humano igual a casa da gente. Adorei encontrar pessoas que tbm curtem este lugar.VALEU BEIJOS A TODOS.

  12. leandro
    fevereiro 10, 2012 at 11:16 am (11 anos ago)

    essa comida e muito gostosa

  13. Mauricio Ono
    outubro 31, 2012 at 10:06 am (10 anos ago)

    Exite 2 desses espetinhos.
    O mais antigo é maior e menos movimentado q o outro, mas a qualidade é a mesma.
    O unico porem dos dois é o atendimento q é meio demorado.

  14. edna
    maio 1, 2013 at 9:10 am (9 anos ago)

    que coisa boa adorei tudo

Deixe um comentário