Lisboa: Vinho verde

Uma das delícias de Portugal é o vinho verde. Experimentei numa tasca (super pequena) onde fui escutar um pouquinho de fado.

Ele é fresco e leve, acompanha perfeitamente um bolinho de bacalhau. É pouco alcoólico, levemente efervescente e dá pra beber (quase) como se fosse limonada. Mas preciso confessar que depois de uns copos de vinho verde e uns fados, já tava quase chorando de saudade do Brasil…

O vinho verde, ao contrário do que muita gente pensa, não é produzido a partir da uva verde, leva esse nome por vir da região dos Vinhos Verdes, assim como o espumante fabricado na região de Champagne na França leva o nome de Champagne.

Aqui na Europa cada país e cada região fazem enormes esforços pra preservar as tradições, para manter a maneira de preparar mais ancestral e que valoriza a cultura local.

No caso do vinho a preservação e manutenção de regras no preparo dão direito a um certificado de origem controlada (outros produtos também podem ter também). Para se ter uma ideia, aqui na França os vinicultores não podem regar as vinhas, dependem totalmente da chuva e da natureza – essa é uma das regras.

A região dos Vinhos Verdes fica no noroeste de Portugal, entre o Douro e o Minho, e produz 92 milhões de litros por ano. As características do Vinho Verde devem-se ao clima, ao solo, a fatores socio-econômicos, às peculiaridades das castas de uvas que existem na região e também a maneira de cultivar as vinhas.

Um vinho a experimentar em Portugal! E se quer saber um pouco mais sobre o Vinho Verde entra neste site. =)

2 Comentários

  1. Quinta da Lixa - O Tal Vinho da Lixa
    maio 14, 2012 at 7:46 am (10 anos ago)

    Olá Jaci,

    É bom saber que gostou de vir a Portugal, que ouviu Fado, que comeu os famosos bolinhos de bacalhau e acima de tudo bebeu e gostou do nosso típico Vinho Verde.

    O Vinho Verde é cada vez mais apreciado pelos consumidores de todo o Mundo. Os turistas que nos visitam ficam sempre surpreendidos ao provar o nosso Vinho Verde, pois normalmente é uma total novidade, principalmente por ser um Vinho com estas características únicas: frescura, mineralidade, carácter floral e frutado.

    Para além de na Região Demarcada dos Vinhos Verdes se fazer este Vinho característico é também uma região a visitar devido à sua extrema beleza, pelo que quando voltar a passar por Portugal esperamos a sua visita à nossa Adega para que possa provar os Vinhos da Quinta da Lixa.

    Continuação de muitos sucessos,

  2. Jaci
    maio 19, 2012 at 11:16 pm (10 anos ago)

    Obrigada pelo comentário! Espero provar muitas vezes mais o vinho da região dos Vinhos verdes!

Deixe um comentário