Pipoca Gourmet

23 julho, 2014

Recebi da assessoria da Electrolux a receita abaixo na época dos jogos da Copa, mas infelizmente não consegui compartilhar na época. E como tem muita gente que curte pipoca + filme em casa, compartilho a receita da pipoca gourmet:

pipoca gourmet

Ingredientes

1 xícara de café de milho para pipoca

4 colheres de sopa de castanha de caju

1 colher de sopa de gergelim preto

1 colher de sopa de gergelim branco

1 colher de café de manteiga

1 colher de chá de curry em pó

1 colher de chá de flor de sal

Preparo:
Prepare as castanhas com gergelim em vasilha pequena própria para micro-ondas e leve as castanhas com o gergelim, manteiga e o sal por 20 segundos na potência alta.

Retire-o do micro-ondas, misture bem e reserve para adicionar às pipocas prontas.

Numa vasilha de vidro temperado, coloque a manteiga, o curry e o sal. Leve ao micro-ondas por 30 segundos, somente para que a manteiga derreta e se misture bem com os outros ingredientes.

Adicione na vasilha o milho e cubra com plástico filme de forma que fique bem seguro o fechamento e leve ao micro-ondas na potência alta de 4 a 5 minutos, ou até que o intervalo entre os estouros seja maior que 2 segundos – assim evitamos que a pipoca queime.

No momento de retirar do micro-ondas, tome bastante cuidado, pois a vasilha fica muito quente.

Retire o plástico filme e então junte as castanhas com gergelim.

Lourdes Hernandéz despede-se do Brasil na 9ª Semana de la Gastronomia Mexicana y del Tequila do Obá

23 julho, 2014

retrato Lourdes e Hugo_Rogério Voltan_bx

Hernández chegou ao Brasil há pouco mais de 13 anos. Mudou-se com o marido, o artista plástico Felipe Ehrenberg, adido cultural do México à época. Embora a responsabilidade de apresentar a cultura mexicana aos brasileiros coubesse a ele por excelência, graças ao cargo, Lourdes também tornou-se referência, sobretudo para falar de comida. O casal recebia amigos na “Casa dos Cariris”, no Largo da Batata, para apresentar algumas das tradições de seu país. Aos poucos, os jantares com pratos repletos dos verdadeiros sabores do México, preparados por ela, começaram a atrair curiosos. De indicação em indicação, Lourdes criou uma extensa lista de emails, que recebia as chamadas para os concorridos jantares em sua casa. Os encontros eram capazes de transportar os comensais, sentados em mesas comunitárias sempre animadas, diretamente para o México. De lá, mudaram-se para a “Casa dos Cordeiros”, também apelidada de “Salón Calaveira”, atual residência do casal no Brooklin, mas que deixam agora para retornar ao México. Para despedir-se do Brasil, Lourdes volta a assinar o cardápio da Semana de la Gastronomia Mexicana y del Tequila do Obá, que a teve como primeira convidada e chega agora a sua 9ª edição.

No cardápio do festival, que acontece entre os dias 24 de julho, amanhã, e 3 de agosto, 18 receitas aprovadas pelos felizardos que conheceram suas casas em todos esses anos. Algumas receitas homenageiam pessoas importantes para Lourdes, como Carlos Tavares, sócio do Obá, ou o seu marido Felipe. “Quis preparar um cardápio festivo, cheio dos ingredientes que trouxe e guardei com tanto carinho, já que não preciso mais economizar nada. Foi muito fácil decidir o que servir”, comenta ela, que prepara ainda um jantar-degustação no restaurante na quarta-feira, dia 30 de julho, com 12 receitas, bebidas e drinques pelo valor de R$ 180 por pessoa ou R$150 sem bebidas (10% de serviço não inclusos).

Um pouco do que você poderá saborear:
Caldo de mariscos en chile guajillo mexilhões pretos, ameijoas e peixe num desses caldos hipnotizantes da cozinheira atrevida… e se você estiver de ressaca, ainda melhor! R$ 42

Fetuchini como a felipe le gusta fettuccine com molho de lagostins picantes. Para quem gosta de temperaturas mais elevadas. R$ 36,50 / R$ 52

Pastel de maíz bolo de milho com rajas (tirinhas) de chile poblano com creme, sabores clássicos, nostálgicos, reconfortantes… e picantes. R$ 32

Enjitomatadas tortillas de milho recheadas de madioquinha e batata, banhadas em molho de tomate, e finalizadas com cebolas, creme azedo e queijo (saudades de la abuelita). R$ 34

9ª Semana de la Gastronomia Mexicana y del Tequila do Obá
Do jantar de 24 de julho ao almoço 3 de agosto de 2013
Rua Dr. Melo Alves, 205
Telefone: 11 3086-4774

Fondue Doce de Catupiry®

22 julho, 2014

Fondue é fácil de fazer e costuma ser bem mais barato do que os restaurantes cobram por aí. Se você quer reunir os amigos e estão cansados do tradicional foundue de chocolate, que tal um fondue doce de Catupiry? Confira a receita!
fondue_doce

Ingredientes
1 xícara (chá) de açúcar (180g)
½ xícara (chá) de água (120ml)
1 tira de casca de laranja
1 tira de casca de limão
2 embalagens de Requeijão Catupiry® (820g)

Para acompanhar: Frutas frescas (morango, laranja, uva verde) ou secas (damasco e ameixa), bolos e biscoito champanhe.

Modo de Preparo: Numa panela média, junte o açúcar, a água e as tiras de casca de laranja e limão. Cozinhe em fogo brando, mexendo de vez em quando, até ferver. Quando iniciar a fervura, cozinhe por cinco minutos, sem mexer. Acrescente os Requeijões Catupiry® e mexa sempre até obter uma mistura homogênea. Despeje a preparação numa panela própria para fondue e mantenha em fogo bem baixo. Sirva em seguida acompanhado das frutas frescas e/ou secas, bolo, biscoitos etc.

Rendimento: cerca de 800 ml – 5 a 6 porções
Tempo de Preparo: 5 minutos
Tempo de Cozimento: 10 minutos

Dica: Só mexa a calda enquanto o açúcar não dissolver na água. Depois disso, se a calda for mexida, vai açucarar.
Variação: Substitua as tiras de laranja e limão por canela em pau e cravo.

Frida & Mina

22 julho, 2014

Para aquecer a estação mais fria (ou que deveria ser), a Frida & Mina traz novidades para quem foge das sorveterias nos dias mais frios.

Para começar, um chá quentinho trazido diretamente da China. Selecionados entre pequenos agricultores e mestres de chá mais tradicionais daquele país e importados pela Chá Yê, serão quatro opções de sabores: Jasmim, Branco, Oolong e Preto (R$ 5).
Outra opção é o brownie do dia, com receita da própria sorveteria. O bolinho terá a cada dia um sabor diferente e será servido acompanhado de bola de sorvete (R$ 12).

fridamina

Além dos chás e brownies, a sorveteria também terá no cardápio chocolate quente (R$ 7). A receita é simples: leite e chocolate AMMA 45%, com sabor encorpado e doce na medida certa, para lembrar o sabor da infância. Delícia, hein?

fridaemina
E para finalizar, duas versões do Afogado (R$ 10): uma bola de sorvete mergulhada em bebida quente. A primeira, com o café Martins preparado na aeropress. E a segunda com chocolate quente.

Uma dica: se estiver muito frio não fique do lado de fora, suba as escadas e se acomode no delicioso sofá do andar de cima.

sofa-fridaemina

Frida & Mina Sorvete Artesanal
Rua Artur de Azevedo, 1147, Pinheiros
Telefone: 11 2579-1444
Funcionamento: segunda a sábado, das 12 às 20 horas. Fecha domingo.

Saiba como fazer um bom café em casa

21 julho, 2014

cafe

Para fazer um bom café em casa, é preciso tomar alguns cuidados essenciais que podem afetar a qualidade da bebida que será servida à mesa. Veja algumas dicas do Carlos Eduardo Rodrigues, barista do Café do Centro:

Escolha um café de qualidade, de preferência 100% arábica. Observe a embalagem e procure saber qual a procedência dos grãos. Quanto mais informações sobre o café e sua origem, melhor sua qualidade. Selos que atestam qualidade e sustentabilidade são sempre bons indicadores de qualidade dos grãos;

É importante que o café esteja fresco, com até no máximo 30 dias da data de fabricação;

Usar sempre água filtrada: “Quando mais pura a água utilizada, mais gostoso será o café”, explica o barista;

Não deixar a água passar dos 96 graus (quando começar a borbulhar): “Se ela estiver acima dessa temperatura, poderá queimar o café, principalmente os cafés gourmet, que são mais delicados. A água nunca deve estar fervendo”, analisa.

Escaldar com água quente o filtro, porta filtro e recipiente/bule para armazenar o café;

Colocar o pó de café fazendo um cálculo de 10g para 100ml de água. Se preferir mais suave 10g para 150ml de água;

Se estiver fazendo café filtrado, espalhar de forma uniforme a água sobre todo o café no filtro de papel;

Pronto, agora é só colocar todas as dicas em prática.